MINHAS DICAS: 7 LIVROS PARA INSPIRAÇÃO E INOVAÇÃO DE ALIMENTOS

Autor Cristina Leonhardt 29 de agosto de 2018

Eu adoro ler. Quando era pequena, tinha muito mais livros do que bonecas e, conforme fui crescendo, os livros sempre acompanharam meus movimentos. Há livros na minha história pessoal que foram realmente significativos – grandes mudanças aconteceram por conta de sementes plantadas por eles.

Diferente do adágio que diz que só se aprende na prática, eu consigo aprender e aplicar muito o que leio. Talvez este seja o segredo do aprendizado, e o âmago deste adágio – no fim, aprendemos apenas o que colocamos na prática. Então eu leio algo interessante e, na primeira oportunidade, coloco em prática.

Criei o Sra Inovadeira com base na minha bagagem de experiência no assunto e como forma de estudar ao vivo. Quem acompanha o site desde o início, sabe que vou a um evento, compartilho. Leio um livro, posto. Vejo uma palestra, dou a minha versão dela. Encontro um estudo interessante sobre P&D, escrevo um texto sobre ele. Os visionários de alimentos estão, no fundo, me vendo estudar e aplicar o que descubro.

Livros permitem aprofundar o raciocínio, imergir em um novo contexto e gerar novos cenários. Para fazer isso, contudo, temos que sair um pouco da visão técnica: abrirmo-nos aos textos que versam sobre gestão, filosofia, o ser humano, o futuro.

Neste artigo, compartilho com visionários e guardiões de alimentos uma lista dos livros que mais recentemente me fizeram refletir sobre minhas práticas de gestão e meu papel como profissional neste complexo mundo de alimentos.

 

Pense no Garfo!

Bee Wilson

Livro delicioso sobre a origem e trajetória dos utensílios que usamos para comer: faca, garfo, colher, fogão, refrigerador. Traz uma reflexão sobre a influência do Marketing para a difusão dos designs que hoje julgamos ser “padrão”, e de como a usabilidade é crucial para garantir a perenidade das invenções. Um livro de história da alimentação contada através destes utensílios.

Quem trabalha no mercado de alimentos, e quer sair dos livros sumamente técnicos sobre o assunto, pode usar este como um bom ponto de partida, para refletir sobre a relação entre tecnologia, alimentos, marketing e a cultura humana.

 

 

Curious

Ian Leslie

Depois de ter sido citado na entrevista com Sandra Mian e ter aparecido no post sobre competências pessoais para inovação, eu tive que ler este livro sobre a curiosidade. E foi um deleite descobrir como funciona a curiosidade, como nos manter criativos e como estimular o aumento a curiosidade, passando por cima de pensamentos batidos e pouco baseados em ciência. Ian Leslie faz um trabalho fenomenal neste livro, que sugiro ser lido antes do Originais (abaixo).

 

 

Originais

Adam Grant

Como ter, selecionar e fomentar ideias originais?
Adam Grant, cuja palestra no TED já apareceu no Sra Inovadeira, traz luz sobre os processos de ideação que geram ideias realmente originais, com base em ciência. O psicólogo organizacional e professor de Wharton dá inúmeros exemplos de como temos uma visão errônea sobre este processo, e oferece formas de contornar nossos vieses. A leitura é fluida e bem-humorada: um livro que recomendo fortemente a todos que estão responsáveis pelo desenvolvimento de novos negócios e produtos.

 

 

The Signals are Talking

Amy Webb

Amy Webb é futurista quantitativa: alguém que cria cenários futuros para entender como as tecnologias irão evoluir e afetar a vida humana. Seu livro é um manual de como fazer isso, desde o mapeamento de quem são os atores a serem observados (dica: quem está nas margens, fazendo coisas loucas), passando pela identificação de tendências de comportamento (usando um método próprio, C.Y.P.H.E.R.). Cheio de exemplos de casos reais e uma análise profunda de como Google e Uber estão se movimentando, o livro é um curso de futurismo.

 

 

Design Sprint

Jake Knapp, John Zeratsky e Braden Kowitz

O método usado na Google Ventures para testar e validar ideias em 5 dias destrinchado em um manual supercompleto. Acompanha muitos diagramas e checklists que facilitam a implantação do método, além de histórias de casos em que ele foi aplicado, para ilustrar o que acontece. Um livro de linguagem prática e fluida, que facilita colocar as ideias em prática logo após (ou durante!) a leitura.

 

 

Start with Why

Simon Sinek

Simon Sinek fez sucesso falando do Círculo Dourado numa palestra TED – uma das mais vistas até hoje. A palestra catapultou a sua carreira como consultor, palestrante e escritor, por um motivo muito simples: fazia sentido.

O Círculo Dourado seria formado pelas camadas de propósito da empresa – começando no por que, depois no como e por fim no quê.

No livro, ele aprofunda seu principal ponto: as pessoas não compram o que você faz, mas por que você faz. É uma fala muito antenada com a Geração Y, que espera uma relação mais baseada em propósito de que as gerações anteriores.

(Já Adam Grant, em Originais, discorda deste ponto. Ele diz que quando queremos convencer alguém de uma ideia disruptiva, não devemos começar com o por quê, pois as motivações de projetos ambiciosos amedrontam e afastam possíveis apoiadores.

Adoro quando meus autores conversam entre si nos livros que estou lendo – é como se eu encontrasse uma linha de condução entre eles. Ou um easter egg 😉 )

 

O Poder do Mito

Joseph Campbell

Não posso fechar esta lista sem incluir o livro que mais profundamente afetou a minha vida e o ângulo pelo qual vejo o mundo. O Poder do Mito é a transcrição da entrevista de Bill Moyers com o mitologista americano Joseph Campbell, que se tornou um bastião da busca pelo propósito de vida desde que foi ao ar nos anos 80. Quase 30 anos depois, continua atualíssimo, pois trata de temas que são perenes ao ser humano: quem somos? Por que vivemos? Qual o sentido da nossa vida? Qual a função dos ritos e religiões?

Se você se encantou com Simon Sinek, na palestra ou livro Start with Why, vem conhecer o cara que disse, muito antes: siga a sua benção, e portas se abrirão onde você não esperava.

 

Esta é a minha lista atual de livros inspiradores. E você? Qual livro me recomenda? O que eu devo ler em seguida?

Estou louca para aprender mais!

Autor

AUTOR

Cristina Leonhardt

Fundadora da Tacta Food School e da Sra Inovadeira. Visionária de Alimentos. Mãe. Professora. Consultora. Viajante.

Ideias malucas me interessam e pessoas que as colocam em prática muito mais!

3 comentários sobre “MINHAS DICAS: 7 LIVROS PARA INSPIRAÇÃO E INOVAÇÃO DE ALIMENTOS

  1. Oi Cris!
    Parecem ótimos todos esses livros, já estão na lista!
    Recomendo “O poder do hábito”, bem interessante e bom para colocar em prática, em vários aspectos da nossa vida.
    E comecei a ler essa semana “Outliersh-Fora de série”, que também parece fantástico!
    Um abraço, Paloma.

  2. conexoes bem interessantes neste coletanea!

  3. Parabéns pelo excelente post!
    Como editor reconheço sua grande capacidade de síntese em eleger esses livros em um contexto que se retro-alimenta !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Faça parte da nossa rede
para receber conteúdo de primeira
e interagir com profissionais do setor!

Voltar ao topo Voltar ao topo